sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

VITÓRIAS, DERROTAS, APRENDIZADO E DESAFIOS PARA 2012!

E lá se foi 2011...
Em Março passado, após ter sido preso pela 2ª vez e transferido para o 23º GBM - Resende, decidi me ausentar temporariamente do blog e reavaliar o que seria mais apropriado para seguir em frente e não podia imaginar o tamanho do furacão que estava por passar sobre a corporação nos meses vindouros.
Há momentos em que você pára ou enlouquece ou adoece. A história está aí para comprovar isso e apesar de muitos pensarem diferente ou eu não me fazer entender perfeitamente, sempre busquei entender o que se passava em toda a nossa pirâmide hierarquica e transmitir a imensa insatisfação que percebia em nossas fileiras, mas a intolerância e a "cegueira" não permitiam que soluções fossem trabalhadas e sequer era percebido o problema, a fim de atender interesses que, apesar não gostar de relembrá-los, hoje são página virada em nossa realidade. ("PRIVILÉGIOS DESTRÓEM DIREITOS!")
Sem dúvida, o ano de 2011 foi marcante na história do Corpo de Bombeiros e dos militares que, de todas as maneiras, lutaram para que fossem dados passos importantes na busca da evolução da corporação, com ênfase na valorização dos recursos mais necessários e, por muitas vezes, menos valorizados, os homens e mulheres, militares de uma corporação que há 155 anos prima pela prestação de serviço fundamental à ordem pública e social, assim como pelo cumprimento de nossas missões constitucionais de proteção de vidas e bens.
Eu, particularmente, participo de inúmeros atos reivindicatórios desde o ano de 2006. Foram-se os 40 da Evaristo, os Barbonos, Equiparação Salarial com a Polícia Civil, a luta pelo resgate da Secretaria de Defesa Civil e consequente desvinculação à Secretaria de Saúde, a luta pela aprovação da PEC 300, a luta pela inclusão dos bombeiros na Bolsa Olímpica (ou "Volta Olímpica", como é conhecida nos quartéis pela covardia que fizeram ao serem publicadas a portaria de criação e até as regras para participação e posteriormente ser revogada pelo Governo Federal), as lutas diárias nas OBM onde servi e, por último, toda essa "batalha" que se travou no ano de 2011, nas manifestações que começaram com os militares dos grupamentos marítimos e se alastraram aos 04 cantos do estado, atingindo até a sociedade que se posicionou claramente em defesa de nossa classe. Hoje, confesso que apesar do desânimo e cansaço diante das inúmeras situações adversas que enfrentei e enfrento cotidianamente, sinto ainda mais fortalecido para seguir em frente ao ver que, do coronel ao soldado, é consenso a necessidade de valorização dos recursos humanos no CBMERJ, seja ela de natureza remuneratória ou profissional, como nunca antes pudemos perceber. Basta que escolhamos o melhor caminho a partir de agora! Infelizmente, tal situação fora despertada da maneira que foi, mas a intolerância e a negação dos problemas e desafios fez com que esse processo de ruptura tenha se dado da maneira que todos nós conhecemos.
Não, não vim aqui contar história e muito menos o poderia fazê-lo, até porque minha participação foi mínima nesses últimos acontecimentos, mas venho aqui reconhecer que, independente das inúmeras necessidades e desafios que temos pela frente, além dos erros cometidos, houve inúmeras vitórias, assim como é necessário analisar friamente as "derrotas" que nos edificaram com os ensinamentos que trouxeram e que é preciso escolher o melhor caminho para seguir em frente. Do fundo do coração, espero que 2012 seja o ano da PAZ e do resurgimento da HARMONIA no CBMERJ, aliados às conquistas que virão a partir do DIÁLOGO e da atenção às necessidades básicas de nossa valorosa tropa. E que sejamos sabedores que a solução de qualquer dos nossos inúmeros problemas nunca esteve e nunca estará nos extremos, assim como nossa salvação não pode e não deve caber a homem qualquer, seja ele quem for e esteja ele em que posição estiver.
Minha mais sincera continência aos que lutaram e lutam com sabedoria e discernimento esse combate e aos sóbrios que, através do diálogo, educação e fidalguia têm buscado recobrar a boa convivência e harmonia em nossa corporação!
Fraternal abraço a todos, como os votos de um FELIZ 2012,
Lauro Botto - Cap BM.

JUNTOS SOMOS FORTES!

6 comentários:

  1. Como sempre sensato!! Lendo relembrei fatos, refleti e seu texto rEsumiu muito bem o que passamos em 2011. Temos ainda um longo caminho porém o pontapé inicial já foi dado. Acredito que 2012 seja melhor e que mesmo com a HIERARQUIA E DISCIPLINA, todos nós estaremos caminhando juntos. Afinal de contas JUNTOS SOMOS FORTES. FELIZ 2012!!! SGT ALESSANDRA LIMA

    ResponderExcluir
  2. que bom q a inspiração do senhor voltou..rsrsrs pelo ao menos neste fim de ano né? bom concordo com amiga alê e acrescento o que acredito ser o melhor rumo agora, ou melhor acredito que o único:a associação SOS enquanto pessoa jurídica nos representar lutar pelos nossos anseios e necessidades junto ao comando e aos governantes. com uma associação fortíssima e com milhares de membros não terá governante que não nos atenderá.infelizmente é o q importa p muitos deles, números.aos mais afoitos e ansiosos ou até desconhecedores de movimentos e lutas de classes que duram décadas não aceitarão esta idéia, pois acham q tem ser hoje amanhã o aumento salarial, mas se não conseguimos no dia 03 ou no dia 12 em copa, não será agora depois da fracassada ameaça de greve que conseguiremos. alguns tem q ser realistas e voltar ao planeta terra. é tempo de refletir e organizar.e é neste sentido que falo da associação. aposto minhas fichas nela e espero que ela não desapareça como ocorreu com os combatentes que só falaram em greve na net e deixaram nosso bravo guerreiro daciolo na mão. daciolo, leal, asael, lauro botto, querido major marcio garcia, andre matos, lacerda, baltar, enfim todos: feliz ano novo e estaremos juntos em 2012. parabéns por este ano. os senhores escreveram história e isso é pra vida toda.

    ResponderExcluir
  3. Meireles / 6ªGBM-Nova Friburgo31 de dezembro de 2011 13:04

    A todos desejo:
    Um próspero e iluminado ano novo!!!
    Que Deus 'acorde' quem de direito e os façam rever nossas reais necessidades, necessidades estas que são direitos constituídos de todo bom trabalhador.

    Saudações aos que lutam por DIGNIDADE!!!

    ResponderExcluir
  4. Adilson Bandeira - Cap BM31 de dezembro de 2011 15:53

    Sábias palavras, iniciaremos um novo ano, e precisamos reavaliar nossos passos, continuo apoiando qualquer iniciativa em prol do resgate da nossa dignidade, insisto que tanto Praças quanto Oficiais devem andar lado a lado, as associações devem se fundir, seguir o exemplo de grandes empresas que se unem para não quebrar. Procurar entender o sentido da frase " JUNTOS SOMOS FORTES".
    Que o ano de 2012 seja repleto de realizações para todos nós.

    ResponderExcluir
  5. Concordo Cap Bandeira, mas será que todos querem se unir?? Vemos muitos estarem aí por status, a prova é a nossa associação de Cbs e Sds!!!
    FELIZ 2012 para todos

    Sgt André Luiz

    ResponderExcluir