terça-feira, 29 de setembro de 2009

ALERJ - 29/09 - EM BUSCA DE JUSTIÇA!



Estive hoje na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro, onde fui me encontrar os deputados estaduais Flávio Bolsonaro e Paulo Ramos, a fim de elucidar certas dúvidas a respeito da nova, segregadora e nefasta gratificação criada pelo governo do estado. Como não podia ser diferente, fui otimamente recebido pelos mesmo, expondo-lhes a triste realidade que assombra o CBMERJ nos dias atuais.
Fiz questão de mostrar-lhes as diversas gratificações que são "ofertadas" aos militares do CBMERJ atualmente, o que causou enorme espanto e revolta nos parlamentares, principalmente quando mostrei os cálculos que demonstram que tamanha incoerência chega ao cúmulo de termos distorções salarias da ordem de salários de soldados somados à gratificações superam vencimentos até de capitães que não possuem gratificações, assim como a de tenentes que têm proventos superiores aos de Coronéis!
Recebi a promessa de que os mesmos ombrearão conosco e que farão uma nota de repúdio ao decreto que récem criou tais gratificações discriminatórias no CBMERJ. VITÓRIA!
Saindo do Gabinete do deputado Paulo Ramos deparei-me com o momento maior da tarde: Encontrei cerca de 50 militares inativos do CBMERJ que, nas escadarias, manifestavam-se contra a injusta, inexplicável e inaceitável redução do percentual da GRET em seus contra-cheques exigidos pelo Tribunal de Contas do Estado. Eram 50 GUERREIROS CLAMANDO POR JUSTIÇA nas escadarias, entoando o Hino Soldado do Fogo de peito erguido e exigindo o mínimo de dignidade após o cumprimento de mais de 30 anos de serviço, tal como todos nós, se Deus permitir, cumpriremos!
PARABÉNS AOS MILITARES INATIVOS PRESENTES!
MUITO DO QUE SOMOS HOJE E DO RESPEITO QUE TEMOS HOJE, DEVEMOS AOS SENHORES!
Em seguida fomos convidados pelo deputado Flávio Bolsonaro a assistir a audiência no plenário e para lá rumamos, UNIDOS E VIBRANTES!
DE PÉ, NA POSIÇÃO DE SENTIDO E COM ORGULHO, VI SENHORES COM MAIS DE 70 ANOS ENTOAREM O HINO SOLDADO DO FOGO EM MEIO AO PLENÁRIO DA ASSEMBLÉIA... MEU DEUS, QUE EMOÇÃO!
E AMANHÃ ELES LÁ PROMETERAM VOLTAR, ASSIM COMO OS CERCA DE 10 ATIVOS QUE LÁ ESTAVAM E AS CENTENAS DE OUTROS QUE LEVAREMOS CONOSCO!

O MOMENTO DE SER OUVIDO E ATENDIDO CHEGOU!

JUNTOS SOMOS FORTES
LAURO CÉSAR BOTTO MAIA
1º TEN BM QOC

6 comentários:

  1. muito bom ten lauro,parabens por sua postura,não concordamos com as gratificações para algumas categorias da corporação,ou é pra todos ou pra ninguém!!!!

    ResponderExcluir
  2. Valdelei Duarte 1º Sgt BM CBMERJ.30 de setembro de 2009 05:11

    Ten. Lauro eu sabia do movimento que os inativos fariam nessa terça feira,29/09/09 quando fui a associação dos Sub. Ten e Sgt no sábado 26/09/09, e na ocasião pedi o apoio deles na nossa 2ºcaminhada pela PEC 300, e por conta disso participaria do movimento deles.
    Também senti um enorme orgulho estar ombreados com aqueles companheiros, e muito mais ainda entoar o hino do soldado do fogo,e sendo aplaudido por todos na assembléia,inclusive pelos parlamentares,isso vai ficar marcado na vida de Bombeiro,tomara amanhã, e com a ajuda do nosso Deus consigamos mais uma vitória para nossom CORPO DE BOMBEIROS.
    Só lamento não poder estar presente, mas confio nos companheiros.

    ResponderExcluir
  3. Tenente Lauro, Parabéns pela postura que o sr. tem tomado! Se todos os oficiais tivessem a real noção de que têm que representar os praças, com certeza o CBMERJ e a PMERJ não estariam do jeito que estão.

    ExcelEnte notícia, essa do estatuto. Vou republicar. JUNTOS SOMOS FORTES!

    ResponderExcluir
  4. Ontem não pude comparecer e perdi esta emoção, mas hoje com certeza estarei lá para ajudar nessa luta que é de todos nós.

    ResponderExcluir
  5. TERCEIRA MARCHA DEMOCRÁTICA PEC 300/2008 - COMISSÃO COMUNICA DATA - 25 DE OUTUBRO.
    A comissão organizadora das Marchas Democráticas em Defesa da Aprovação da PEC 300/2008 comunicou que a Terceira Marcha do Rio de Janeiro será realizada no dia 25 de outubro de 2009 (domingo), às 10:00 horas, em Copacabana, no trecho entre o Posto 6 e o Posto 2.
    Temos a obrigação de colaborar com a comissão e participar desse ato em defesa da nossa cidadania, na busca por salários dignos, no caso a equiparação com os Policiais Militares e os Bombeiros do Distrito Federal.
    Obviamente, não podemos restringir a nossa luta às marchas, temos que realizar vários atos para fortalecer e dar a maior visibilidade possível a esse esforço, inclusive desenvolvendo atos simultâneos em todo o Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  6. Deu num Blog:


    GLOBO, CABRAL E PAES:

    "SOMANDO FARSAS"

    ResponderExcluir