quinta-feira, 15 de outubro de 2009

AGRADECIMETO E ESCLARECIMENTOS!

www.orkut.com.br/Main#CommPollResults?cmm=191776&pct=1255508335&pid=710475452

Fui surpreendido hoje, mais uma vez, com uma enquete no orkut sobre possíveis candidatos a deputado estadual e federal nas próximas eleições 2010!
Dessa vez, o criador foi o amigo e companheiro de lutas, 1º Sgt BM Valdelei, que me elencou como um possível futuro candidato a um desses cargos parlamentares, fato esse que me enobrece, orgulha e que me faz, publicamente, agradecer a homenagem feita pelo referido amigo.
Porém, cabem alguns esclarecimentos aos que ainda não tiveram oportunidade de me conhecer realmente e pessoalmente:
1º) Nunca me declarei candidato a NENHUM CARGO ELETIVO e todas essas especulações partem exclusivamente de alguns companheiros que depositam em mim alguma confiança que nem mesmo eu sei se a mereço, mas que me deixam enormemente grato e envaidecido. Muito obrigado a todos!
2º) Sem demagogias, falsas modéstias e "papo de político", acredito ser de FUNDAMENTAL IMPORTÂNCIA elegermos algum Bombeiro Militar que VERDADEIRAMENTE LUTE, SE EMPENHE E TENHA PLENO CONHECIMENTO DA NOSSA CALAMITOSA SITUAÇÃO E TENHA PROPOSTAS CONCRETAS DE MELHORIAS e, se um dia essa capacidade me for peculiar e reconhecida, a felicidade e RESPONSABILIDADE de representar nossos militares, seja lá como e onde for, ME FARIAM ENORMEMENTE orgulhoso e consciente dessa árdua missão.
3º)Assumir um cargo eletivo é algo nobre e de muita responsabilidade, além de ser um caminho sem volta às nossas fileiras; Assumir uma função como essa é abdicar de nossa carreira de Bombeiro Militar; É deixar de jurar à minha honra, ao meu Deus e à minha terra quando tocar "apresentar-arma" com minha espada; É deixar de envergar nossa farda para o resto da vida; É deixar de sentir a adrenalina ao ouvir um brado de socorro e avançar para o mesmo no trem de socorro; É deixar de sentir a indescritível sensação do dever cumprido que só verdadeiros bombeiros sentem quando regressam às suas casas após um serviço que de alguma forma ele tenha se sentido útil à manutenção da vida ou do bem-estar de alguém; Somente aos que verdadeiramente me conhecem, que tiveram a oportunidade de servir em alguma OBM comigo, que tiveram a oportunidade de compor uma guarnição de socorro comigo ou que têm maior proximidade a mim, podem ter noção da dor e da tristeza que isso me causaria.

Mais uma vez, muito obrigado pela confiança e apreço demonstrados!
Primeiro-Sargento Valdelei, MINHA CONTINÊNCIA!


JUNTOS SOMOS FORTES
Lauro Botto ۞۞

14 comentários:

  1. E EU LHE PERGUNTO POR QUE NÃO? QUEM ESTÁ PONDO A CARA A TAPA? O COMANDANTE GERAL? NÃO É VOCE MESMO,NUNCA PERCA A SUA HUMILDADE,PARABENS!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns, mais uma vez, querido HERÓI DO FOGO, pela sua grandeza e pelo amor dedicado ao nosso CBMERJ. Homens como você enobrecem as fileiras de nossa CORPORAÇÃO.Que Deus continue iluminando os seus passos, e que o nosso amigo MAJOR LAURO, no plano onde se encontra, cada vez mais se orgulhe de ti.

    ResponderExcluir
  3. Um homem chegou em casa tarde do trabalho, cansado e irritado encontrou
    o seu filho de 5 anos esperando por ele na porta ..
    -Pai, posso fazer-lhe uma pergunta? ?
    -O que é?" respondeu o homem.
    -Pai, quanto você ganha em uma hora? "
    -Isso não é da sua conta. Porque você esta perguntando uma coisa dessas?
    Disse o pai de modo agressivo.
    -Eu só quero saber .. Por favor me diga, quanto você ganha em uma hora?
    -Se você quer saber, eu ganho R$ 50 por hora.
    -Ah...
    O menino respondeu, com sua cabeça para baixo.
    -Pai, pode me emprestar R$ 25,00??
    O pai estava furioso.
    -Essa é a única razão pela qual você me perguntou isso?
    Pensa que é assim que você pode conseguir algum dinheiro para comprar um brinquedo ou algum outro disparate? Vá direto para o seu quarto e vá para a cama. Pense sobre o quanto você está sendo egoísta.
    Eu não trabalho duramente todos os dias para tais infantilidades..?
    O menino foi calado para o seu quarto e fechou a porta.
    O homem sentou e começou a ficar ainda mais nervoso sobre as questões do
    menino. Como ele ousa fazer essas perguntas só para ganhar algum dinheiro?
    Após cerca de uma hora, o homem tinha se acalmado e começou a pensar:
    Talvez houvesse algo que ele realmente precisava comprar com esses R$
    25,00 e ele realmente não pedia dinheiro com muita freqüência. O homem
    foi para a porta do quarto do menino e abriu a porta.
    -Você está dormindo, meu filho? " Ele perguntou.
    -Não pai, estou acordado?, respondeu o rapaz ..
    -Eu estive pensando, talvez eu tenha sido muito duro com você há pouco.,
    Tive um longo dia e acabei descarregando em você. Aqui estão os R$ 25 que você me pediu."
    O menino se levantou sorrindo.
    -Oh, obrigado pai! gritou.
    Então, chegando em seu travesseiro ele puxou alguns trocados amassados.
    O homem viu que o menino já tinha algum dinheiro, e começou a se enfurecer novamente.
    O menino lentamente contou o seu dinheiro , em seguida olhou para seu pai..
    -Por que você quer mais dinheiro se você já tinha? Grunhiu o pai.
    -Porque eu não tinha o suficiente, mas agora eu tenho", respondeu o
    menino.
    -Papai, eu tenho R$ 50 agora. Posso comprar uma hora do seu tempo? Por
    favor, chegue mais cedo amanhã em casa. Eu gostaria de jantar com você.
    O pai foi destroçado. Ele colocou seus braços em torno de seu filho, e
    pediu o seu perdão...
    É apenas uma pequena lembrança a todos vocês que trabalham arduamente na
    vida. Não devemos deixar escorregar através dos nossos dedos o tempo sem
    ter passado algum desse tempo com aqueles que realmente importam para
    nós, os que estão perto de nossos corações. Não se esqueça de compartilhar
    esses R$ 50 no valor do seu tempo com alguém que você ama.
    Se morrermos amanhã, a empresa para a qual estamos trabalhando, poderá
    facilmente substituir-nos em uma questão de horas. Mas a família e amigos que
    deixamos para trás irão sentir essa perda para o resto de suas vidas..!

    Não quebre essa corrente mesmo que você só enviá-la para uma pessoa.
    " Os pessimistas acham que os ventos uivam, os otimistas acham que eles cantam ".

    Tudo a ver esse texto com a vida do Bombeiro e do Policial Militar!!

    ResponderExcluir
  4. Senador Zambiasi defende piso salarial nacional para policiais militares
    (16/09/2009 - 10:25 )


    Nesta terça-feira (15), o senador Sérgio Zambiasi (PTB-RS) esteve reunido com o diretor presidente da Associação Beneficente Antônio Mendes Filho Dos Cabos e Soldados da Brigada Miliar RS, Leonel Lucas, o presidente estadual da Associação dos Sargentos, Subtenentes e Tenentes da Brigada Militar, Aparício Santellano e o diretor administrativo da MBM Previdência e Seguros, Jorge Penna, no gabinete em Brasília. Na pauta, a proposta de equiparação nacional do salário dos policiais militares. (Proposta de Emenda à Constituição PEC 300/2008).

    O salário inicial dos PMs gaúchos é de R$ 900 reais. Segundo o senador Zambiasi, o valor é inadequado e com uma diferença exorbitante, comparada ao salário dos outros estados, o que, por conseqüência, desestimula esses profissionais que diariamente arriscam suas vidas para oferecer segurança à população. Em Brasília, os policiais recebem R$ 4 mil reais.

    A PEC foi apresentada pelo deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) e estabelece que a remuneração dos Policiais Militares dos estados não poderá ser inferior à da Polícia Militar do Distrito Federal, aplicando-se também aos integrantes do Corpo de Bombeiros Militar e aos inativos. Altera, assim, a Constituição Federal de 1988. De acordo com o presidente da Associação dos Sargentos, Subtenentes e Tenentes da Brigada Militar - ASSTBM, Aparício Santellano, atualmente existem no Brasil cerca de 600 mil policiais militares.

    A Proposta que beneficiará todos estes profissionais está tramitando na Câmara dos Deputados e foi distribuída à Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Após análise e votação será encaminhada ao Plenário. Para o senador Zambiasi a PEC defende uma questão nacional e por isso merece a atenção de todos os representantes de Estado.

    O senador Sérgio Zambiasi e o diretor presidente da Associação Beneficente Antônio Mendes Filho Dos Cabos e Soldados da Brigada Miliar RS, Leonel Lucas , convidaram todos os policiais militares do Brasil, para participar da caminhada que vai fortalecer a mobilização para o reajuste salarial. O evento acontecerá no dia 5 de outubro e terá como ponto de partida o Quartel General da Brigada Militar de Porto Alegre, de onde os policiais militares deverão seguir até chegar à Assembléia Legislativa. "Será uma caminhada de conscientização, para debater o tema em destaque", disse.

    ResponderExcluir
  5. Tenente Lauro
    Sei o quanto é difícil estar entre "a cruz e a espada", ter a vontade de fazer algo pela Corporação e seus componentes, mas por outro lado, "abrir mão" da carreira, principalmente pra quem é apaixonado pelo que faz, como o senhor é.
    Saibas que muito nos orgulha ter o senhor à frente das nossas causas, peço a Deus que lhe dê forças para continuar nesta jornada. Quem dera que nossa Corporação tivesse uns 20 oficiais como o senhor, mas as coisas tendem a mudar, ou melhor, já estão mudando, vi na Passeata vários oficiais engajados na luta por melhores condições salariais.
    No mais, se for tentar um cargo político, sentirei uma mistura de sentimentos: ficarei extremamente feliz por ter uma voz ativa que represente os anseios da Corporação; por outro lado, sei que perderemos um combatente atuante e apaixonada pela profissão, que não faz do CBMERJ um cabide de emprego.
    Caso fique tentado em se candidatar, pode ter certeza de que serei um "bom cabo eleitoral", pedirei votos pro senhor com toda a energia, sabendo que fará um grande trabalho onde quer que se encontre.
    Um grande abraço!
    SGT BM Renato Neves

    * antes a angústia da busca que a paz da acomodação."

    ResponderExcluir
  6. Tenente Lauro
    Sei o quanto é difícil estar entre "a cruz e a espada", ter a vontade de fazer algo pela Corporação e seus componentes, mas por outro lado, "abrir mão" da carreira, principalmente pra quem é apaixonado pelo que faz, como o senhor é.
    Saibas que muito nos orgulha ter o senhor à frente das nossas causas, peço a Deus que lhe dê forças para continuar nesta jornada. Quem dera que nossa Corporação tivesse uns 20 oficiais como o senhor, mas as coisas tendem a mudar, ou melhor, já estão mudando, vi na Passeata vários oficiais engajados na luta por melhores condições salariais.
    No mais, se for tentar um cargo político, sentirei uma mistura de sentimentos: ficarei extremamente feliz por ter uma voz ativa que represente os anseios da Corporação; por outro lado, sei que perderemos um combatente atuante e apaixonada pela profissão, que não faz do CBMERJ um cabide de emprego.
    Caso fique tentado em se candidatar, pode ter certeza de que serei um "bom cabo eleitoral", pedirei votos pro senhor com toda a energia, sabendo que fará um grande trabalho onde quer que se encontre.
    Um grande abraço!
    SGT BM Renato Neves

    * antes a angústia da busca que a paz da acomodação."

    ResponderExcluir
  7. ten.lauro,quero aproveitar aqui o espaço para divulgar a reunião que havera na alerj no dia 19/10/200 segunda-feira as 15:00 horaras,na sala 316,para policiais civis,militares e bombeiros,ativos e inatos,grato pela oportunidade!!!!

    ResponderExcluir
  8. BOM DIA,QUERO AQUI AGRADECER O EMPENHO DOS BOMBEIROS MILITARES DO RJ E TAMBEM AOS DEMAIS BOMBEIROS DO NOSSO PAIS.SOU POLICIAL MILITAR A 29 ANOS E TIVE O PRAZER DE VARIAS MISSOES COM BRAVOS BOMBEIROS.COMO INCENDIOS,RECOLHER CORPOS EM CONFRONTROS EM COMUNIDADES,ATROPELHAMENTOS ENFIM VARIAS OCORRENCIAS.POR ISTO SEMPRE DIGO QUE UMA CORPORAÇAO COMPLETA A OUTRA.ESTAMOS JUNTOS NESSA LUTA POR MELHORES CONDIÇOES SALARIAS PARA NOSSA FAMILIAS.QUE DEUS NOS PROTEJA E AJUDE A VENCER MAIS ESSA LUTA.

    ResponderExcluir
  9. Mais uma vez: Tem o meu voto !!!!
    E se o Renato Neves falou, assino embaixo de olhos fechados ...
    Luiz Octavio

    ResponderExcluir
  10. Valdelei Duarte 1º Sgt BM CBMERJ.16 de outubro de 2009 22:01

    Ao companheiro Ten. BM Lauro Botto, li o seu depoimento,faço das suas palavras as minhas palavras, como disse venho lutando aguerridamente pela nossa instituição e principalmente por todos nós BOMBEIROS.
    Muitos companheiros não sabe mais a minha luta em eleger um Deputado(s)em defesa da nossa instituição e de nós vêm desde do mês de maio desse ano, muito antes de iniciar a nossa luta e caminhadas pela PEC 300.
    Sou BOMBEIRO a 28 anos incorporei em 10/09/1981,no antigo 2ºGI, hoje 12ºGBM,fui transferido para o QCG em 1982,trabalhei no ABS com o aspirante PEDRO, hoje o nosso comandante geral,em 1983 contra a minha vontade fui transferido para o CSM/O (obra),fiquei decepcionado e frustrado,pôs entrei para o CBMERJ para salvar vidas,foi quando em 1983 iniciou o 1º CSMAR, mais uma vez fiquei frustrado, o meu chefe Cap. BM Gualberto(em memorian)não deixou eu me inscrever, conseguindo somente no ano seguinte, em 1984 por ato do então Governador Leonel Brizola, e ainda fui ameaçado pelo Cap Gualberto dizendo me " Se for desligado eu te pego quando voltar,e se for aprovado por aquele doido o Maj. BM Barros,vai contrair um câncer de pele, não fui desligado preferia morrer afogado do que voltar ao CSM/O, mas contrai um câncer de pele ".
    Trabalho a 24 anos no Gmar,me formei na 2ºturma,dos quais 14 anos na areia,dois anos no helicóptero,dois anos como instrutor,dois anos como supervisor de praia e a quatro anos como condutor de viaturas (ASE),depois que contrai câncer de pele.
    Assim como você e muitos companheiros tenho orgulho da minha profissão, e não me arrependo por minha dedicaçao e amar isso que agente faz; SALVAR VIDAS.

    ResponderExcluir
  11. TEN.LAURO COLOCOU A CARA A TAPA ! ESTAMOS DO SEU LADO CARA A CARA !
    SGT.QUINTANILHA

    Contra as chamas em lutas ingentes
    Sob o nobre e alvirubro pendão,
    Dos soldados do fogo valentes,
    É, na paz, a sagrada missão.
    E se um dia houver sangue e batalha,
    Desfraldando a auriverde bandeira,
    Nossos peitos são férrea muralha,
    Contra a audaz agressão estrangeira.

    Missão dupla o dever nos aponta.
    Vida alheia e riquezas salvar
    E, na guerra punindo uma afronta
    Com valor pela Pátria lutar.

    Aurifulvo clarão gigantesco
    Labaredas flamejam no ar
    Num incêndio horroroso e dantesco,
    A cidade parece queimar.
    Mas não temem da morte os bombeiros
    Quando ecoa d’alarme o sinal
    Ordenando voarem ligeiros
    A vencer o vulcão infernal.


    Missão dupla o dever nos aponta
    Vida alheia e riquezas salvar
    E, na guerra punindo uma afronta
    Com valor pela Pátria lutar.

    Rija luta aos heróis aviventa,
    Inflamando em seu peito o valor,
    Para frente o que importa a tormenta
    Dura marcha ou de sóis o rigor?
    Nem um passo daremos atrás,
    Repelindo inimigos canhões
    Voluntários da morte na paz
    São na guerra indomáveis leões.

    Missão dupla o dever nos aponta
    Vida alheia e riquezas salvar
    E, na guerra punindo uma afronta
    Com valor pela pátria lutar.

    ResponderExcluir
  12. NECESSIDADE X VAIDADE




    Quanta honra, ser incluído em uma enquete juntamente com vários outros supostos candidatos à DEPUTADO ESTADUAL, lançado pela comunidade BOMBEIROS – RJ - CBMERJ, no ORKUT, composta por 6.733 (seis mil setecentos e trinta e tres) membros, fico agradecido ao companheiro SGT VALDELEI DUARTE, grande batalhador por dias melhores para a nossa Corporação. Aliás, a única vez em que fui candidato foi no ano de 2006, período eleitoral, quando declarei-me como tal, para o sgt Moraes e na época sgt Santos, candidato, que ao me encontrarem na Escola de Bombeiros pediram-me para apoiá-los e na ocasião disse-lhes que era candidato, inclusive já havia registrado um programa em cartório, comprometendo-me a repassar 50% do salário de deputado, caso fosse eleito, a fim de realizar projetos para bombeiros e seus dependentes. Tudo não passava de um blefe, ficaram assustados, depois respiraram aliviados quando contei a verdade, despreendimento total. Naquele momento começou a nascer o Pojeto VOTO BOM! VOTO BOMBEIRO! A Corporação sempre concorre com uma infinidade de candidatos, divide os votos, deixando de eleger um representante. Conversei com vários bombeiros sobre a idéia e possível empreitada, todos foram receptivos em apoiá-la, foi o que inspirou-me a escrever o que hoje é visto no site, criado para dar apoio e visibilidade ao nosso Projeto. Sempre fiz questão de ressaltar que o Projeto é verticalizado, do soldado ao coronel, não distingue qualquer segmento, prega a união para alcançarmos o objetivo de todos, nossa NECESSIDADE não pode ser superada pela VAIDADE de alguns, com interesses pessoais em detrimento do coletivo. Àqueles que imaginam que sou candidato, volto a repetir, NÃO SOU! Seria incoerente com o meu discurso e mais um à dividir. O Projeto tem, entre outras, a finalidade de conscientizar os bombeiros da nossa necessidade de sermos reconhecidos como uma Corporação com força de voto, que consegue eleger o seu candidato, saído de um trabalho organizado, fruto do empenho de todos, não prega o individualismo, não oferece benesses a quem quer que seja, engajamento por acreditar no processo, não podemos mais dividir. Após o lançamento do Projeto fui sondado por diversos candidatos, inclusive da nossa Corporação, oferecendo-me cargos para que o apoio fosse direcionado, gentilmente recusava e os convidava para cerrarem fileira com a gente, alguns aceitaram, outros não. Seria uma bela demonstração de unidade se todos os candidatos estivessem juntos no Projeto, dando um grande exemplo para todos os integrantes da Corporação, criando um grupo de liderança, precisamos disso, os bombeiros anseiam por uma liderança positiva, despojada de interesse próprio, para lutar pela tropa. O sonho é real, estou acordado, ficarei feliz se conseguirmos criar essa base, organizarmos politicamente a nossa instituição, certamente isso ficará para as gerações futuras e têm papel fundamental as comunidades de BMs, são milhares, participem efetivamente, conclamem os companheiros, não podemos mais adiar os nossos sonhos.
    Abrindo os jornais poderemos observar que os políticos profissionais já estão costurando alianças, até mesmo com antigos inimigos, para atingirem suas metas, temos que aprender com eles, não podemos ficar dividindo. A quem isso interessa!
    Deixo um grande abraço ao companheiro SGT VALDELEI e aos seguidores da Comunidade CBMERJ, bem como a todos os BMs que, como eu, anseiam por um futuro melhor.
    NÓS PODEMOS FAZER MAIS DO QUE ISSO!
    (a) ALEXANDRE JESUS

    ResponderExcluir
  13. Consta nos arquivos da Wikipédia:



    Sérgio Cabral Filho
    Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

    Durante seu mandato como presidente da ALERJ, nomeou para seu gabinete, a esposa do fiscal do governo do estado Silvana Dionízio Silveirinha Corrêa, que ficou conhecido por Silveirinha.[5][6] Rodrigo Silveirinha Corrêa, suspeito de comandar um esquema de corrupção na Secretaria de Estado da Fazenda no governo Garotinho, conhecido como Propinoduto. [7][8] Porém, a contratação de Silvana durou apenas um dia, e o próprio voltou atrás, afirmando ter sido um erro de seus funcionários.[9][10]

    Em 1998, o então deputado Sérgio Cabral foi denunciado pelo então governador Marcelo Alencar, junto ao Ministério Público Estadual, por improbidade administrativa (adquirir bens, no exercício do mandato, incompatíveis com o patrimônio ou a renda do agente público) cometida na compra de uma mansão no condomínio Portobello em Angra dos Reis. Posteriormente, essa investigação foi arquivada pelo subprocurador-geral de Justiça Elio Fischberg, em 1999.[11][12] Em 1998, tinha declarado como patrimônio de R$ 827,8 mil.[13]

    Cabral foi citado pelo então deputado federal André Luiz (PMDB –RJ), cassado por tentar extorquir R$ 4 milhões do empresário de jogos Carlinhos Cachoeira para tirar seu nome da CPI da LOTERJ.[14] André disse a seguinte frase: Nós formamos um grupo só, Sérgio Cabral, Picciani, eu, Calazans e Paulo Melo. As gravações publicadas pela revista Veja, foram confirmadas pelo perito Ricardo Molina..[15][16][17] Depois, Cabral repudiou a menção de seu nome por André Luiz.[18][19]

    Sérgio Cabral Filho, em 2004, fez um requerimento pedindo voto de aplauso do Senado ao Superintendente da Polícia Federal no Rio de Janeiro, José Milton Rodrigues[20] e ao Delegado Regional Executivo, Roberto Prel,[20] pelo sucesso das operações da polícia federal no Estado do Rio de Janeiro. Roberto Prel era dado por muitos como certo para ser Secretário de Segurança em um eventual governo Sérgio Cabral. Mais tarde, as duas indicações de Cabral, foram presos pela operação denominada Operação Cerol, acusados de cobrar propina para proteger sonegadores de impostos. [21][22] Em 2006 um levantamento da mesa diretora do Senado, mostrou que Cabral havia faltado a um terço das votações desde 2003, num total de 178 faltas.[23][24][25]

    Até setembro de 2007, a média era de 1 a cada 5 dias fora do Brasil,[25] totalizando uma ausência de 62 dias neste ano, sendo duas semanas de férias, na França e na ilhas Saint-Barth, no Caribe. No mês de abril chegou a permanecer mais tempo fora do país do que no Rio de Janeiro, Estado que governa. Foi também no mês de junho do mesmo ano, convidado pelo presidente Lula a reabertura do estádio de Wembley, na Inglaterra. No final do seu primeiro ano de governo Sérgio Cabral Filho contabilizou 17% do ano no exterior, ou um a cada 6,2 dias. [26]



    Política de privacidade Sobre a Wikipédia Avisos gerais

    ResponderExcluir
  14. ten-lauro é com muito orgulho,que mesmo sem lhe conhecer pessoalmente tenho o prazer em ser seu amigo.sinto tambem que não é ora do senhor vir como candidato,pois se for eleito tudo bem,mais se não vai ficar uma duvida com o senhor.será que fiz á coisa certa.olha amigo tens o maior tempo do mundo primeiro faça eles ver realmente quem é o ten-lauro criticando,revindicando,clamando justiça para os bms.n.p.quem sabe.

    ResponderExcluir