sexta-feira, 5 de março de 2010

CABRAL: GRATIFICAÇÃO DA UNIÃO DEVE SER INCORPORADA AOS SALÁRIOS DE POLICIAIS E BOMBEIROS - JORNAL O DIA

Rio - O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, afirmou, nesta sexta-feira, que vai enviar um projeto de lei para a Assembleia Legislativa propondo que a gratificação que o Governo Federal dará aos policiais civis, militares, e bombeiros em decorrência da Copa do Mundo de 2014 e Jogos Olímpicos de 2016, seja incorporado no salários destes servidores. Cabral fez o anúncio durante a cerimônia de premiação pelo cumprimento de metas de redução dos índices de criminalidade no segundo semestre de 2009.

Além do governador Sérgio Cabral, estiveram presentes à cerimônia, realizada no Teatro João Caetano, na Praça Tiradentes, o secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, o chefe de Polícia Civil, Allan Turnowski, Ronaldo de Oliveira, diretor de Polícia da Capital, o comandante geral da PM, Mário Sérgio Duarte, além de centenas de oficiais e praças da corporação.

Para os policiais que ficaram em terceiro lugar no índice de redução de criminalidade, o governo do estado pagou R$ 500; para a segunda colocação, R$ 1 mil; e para os maiores responsáveis R$ 1,5 mil. Durante seu discurso, Cabral foi muito aplaudido quando anunciou que o dinheiro do prêmio já estava na conta.


Vindo de quem vem a proposta, todo cuidado é pouco!
Será essa mais uma maldade disfarçada de bondade?
Estranhei a ausência de nossos Secretário e Comandate-Geral. Ah, sim... me esqueci que o Bombeiro Militar do Rio de Janeiro "não merece" Gratificação por eficiência e muito menos tem representatividade oficial frente o governo do estado.
Essa tática de divulgar melhorias para a mídia já nos enganou diversas vezes... Prefiro esperar o desenrolar dessa história!

JUNTOS SOMOS FORTES,
LAURO BOTTO ۞۞

12 comentários:

  1. Cabral: Gratificação da União deve ser incorporada ao salário de policiais e bombeiros

    Rio - O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, afirmou, nesta sexta-feira, que vai enviar um projeto de lei para a Assembleia Legislativa propondo que a gratificação que o Governo Federal dará aos policiais civis, militares, e bombeiros em decorrência da Copa do Mundo de 2014 e Jogos Olímpicos de 2016, seja incorporado no salários destes servidores. Cabral fez o anúncio durante a cerimônia de premiação pelo cumprimento de metas de redução dos índices de criminalidade no segundo semestre de 2009.



    AMIGOS ISSO TUDO É 171 DESTE GOVERNADOR, POIS ELE SABE DE QUE SE A PEC 300 FOR APROVADA, NENHUM SERVIDOR IRIA RECEBERÁ ESSA BOLSA, OU SEJA, ESSE PILANTRA NÃO JOGA PARA PERDER, ELE É 171. POIS NINGUÉM RECEBERIA NEMOS OU IGUAL A R$ 3.200 NO RJ, VALOR MÍNIMO PARA SE RECEBER A BOLSA. E O PISO É DE R$ 3,5 MIL COM A A PROVAÇÃO DA PEC, VALOR ACIMA DO MÍNIMO ESTIPULADO. SERGIO CABRAL É 171 !


    ABRAÇOS. CB CRUZ !!!!

    ResponderExcluir
  2. Agora que o casal de enganadores garotinho/rosinha já foram pro espaço, nós, PMS e BMS, pedimos ao Sr Pré-candidato ao governo do estado Fernando Gabeira que venha com tudo pra cima do Pinóquio Cabral com todas as provas possíveis, a fim de aniquilar esse medíocre incompetente.
    A família Bombeiro Militar e Policial Militar necessitam estarem livres do bandido Pinóquio Cabral o mais rápido possível, pois ninguém agunata mais esse horroroso e nojento desgoverno.
    Nós vamos apoiar, sem sombra de dúvidas, a campanha limpa e firme do Sr Gabeira.

    Fora Cabral, vc é escroto!!!

    ResponderExcluir
  3. Acho que devemos ser radicalmente contra a essa medida do governo, pois esse aumento salarial não contempla a todos os integrantes das duas corporações, deixando de fora também os inativos e pensionistas. Essa medida é apenas o continuísmo dessa política salarial do governo do nosso Estado, que tem gerado distorções salariais à categoria dos militares estaduais com consequente quebra de hierarquia e consequentes descontentamentos.
    Penso que deveríamos manifestar publicamente o nosso repúdio a esse projeto, comparecendo em massa à Assembléia Legislativa, no dia da votação do mesmo e, ao mesmo tempo, exigir que se faça uma reposição salarial justa e honesta, que obedeça o escalonamento hierárquico e não deixe de fora àqueles que não estão mais na ativa.

    ResponderExcluir
  4. Ou o governador Sérgio Cabral desacredita totalmente na aprovação da PEC 300 (parece até ignorá-la), ou essa atitude é mais uma manobra política para enfraquecer o movimento "Juntos Somos Fortes". Devemos nos manifestar contra essa política salarial do governo estadual que só tem gerado desunião entre os militares, já que desestrutura um dos pilares do militarismo: a hierarquia.

    ResponderExcluir
  5. Tudo que vem de cabral nos é indiferente. Chega de sofrer. Fora Cabral (pinóquio). Voltar com o casal Garotinho se resumiria em ser conivente com todos os escândalos que ocorreram no CBMERJ entre 1999 e 2002.

    ResponderExcluir
  6. O que o Governador acabou de anunciar, segundo o jornal O Dia, nada mais é, do que a condição imposta pelo governo federal para o pagamento das "bolsas",ou seja, se ele não o faz, não existe bolsa...então eu na minha infinita ignorância concluo que ele não iria jogar contra o Seu mestre Guru Lula,logo, Ele(Sergio Cabral) está "obrigado" ( a não ser que rejeite as "bolsas") a fazer está incorporação até 2016
    Jeferson Pantoja Vitoriano - Cap BM

    ResponderExcluir
  7. Como disse no post anterior tudo isto é puro engodo do Governador

    Informativo Pronasci ano 3 nº 127 de 25 fevereiro de 2010


    04 - Quais serão as condições
    para adesão às bolsas e os critérios
    para seleção dos profissionais
    para receber os benefícios?
    Da parte do estado:
    ...

    Enviar à Assembléia Legislativa projeto de lei elevando a remuneração mensal de todos os policiais estaduais atéo valor mínimo
    de R$3.200, considerando a data limite de 2016.

    Cap BM Jeferson Pantoja Vitoriano

    ResponderExcluir
  8. Durante seu discurso, "Cabral foi muito aplaudido" quando anunciou que o dinheiro do prêmio já estava na conta.
    Deve ter algum engano, se não for engano pergunto: onde esses caras de pau acharam coragem para os aplausos? Vão acabar como o pinóquio.

    ResponderExcluir
  9. Valdelei Duarte 1ºSgt. BM6 de março de 2010 23:08

    Gratificação = divisão + enfraquecimento.
    Como disse disse o Ten. Lauro Botto, ' OQUE NOS DIVIDE, NOS ENFRAQUECE ".

    ResponderExcluir
  10. AGENDA DA CAMARA DOS DEPUTADOS PARA A PRÓXIMA SEMANA

    05/03/2010 20:46
    Agenda da próxima semana

    A previsão de cobertura jornalística só estará disponível na Agenda do Dia.

    TERÇA-FEIRA (9):

    ..............................................
    16 horas
    Votações em Plenário
    O projeto sobre o regime de partilha e a distribuição de royalties do petróleo do pré-sal (5938/09) e os destaques à PEC 446/09, que estabelece o piso salarial dos policiais e bombeiros dos estados, são os destaques da pauta do Plenário. Na Semana da Mulher, também está pautada a PEC 590/06, da deputada Luiza Erundina (PSB-SP), que garante a presença de pelo menos uma mulher nas Mesas Diretoras da Câmara e do Senado e nas comissões.
    Plenário Ulysses Guimarães
    ..............................................

    ResponderExcluir
  11. SGT.AMANDIO
    FORA CABRAL CARA DE PAU. A NOSSA LUTA NÃO É POR BOLSA OU CARTEIRA OU O QUE QUISEREM, MAS SIM UM SALÁRIO DIGNO. VIVA A PEC 300/446. DIGNIDADE NÃO TEM PREÇO, MAS SIM SALÁRIO DIGNO.
    EM BRASÍLIA, OS POLÍTICOS ESTÃO COM MEDO DE DAR UM SALÁRIO DECENTE AOS INTREGRANTES DA SEG. PUBLICA. PORQUE FICAM COM MEDO DE TER UMA POLICIA INCORRUPTIVEL, E COM ISSO ELES SERÃO OS PRIMEIROS A SEREM PRESOS. FORA AOS POLITICOS DESONESTOS. ABRAÇO

    ResponderExcluir
  12. Temos que mostrar a força que temos. Se o aquartelamento for necessário, faremo-nos. Chega de promessas e desilusões. Nossos filhos presisam de uma educação de qualidade para um brasil cada vez melhor. Se não for agora, não será nunca...

    ResponderExcluir